Sabe-se que a cafeína promete resultados satisfatórios tanto na oxidação de gorduras bem como também em rendimento esportivo.  Hoje em dia, os suplementos a base de cafeína são facilmente encontrados e empregados por praticantes de atividade física de vários níveis. Além do público esportista, muitas pessoas na qual grande quantidade são mulheres se valem dos efeitos dos suplementos denominados termogênicos”, buscando potencializar a queima de gordura corporal, bem como a manutenção de um baixo percentual de gordura e estabilidade do tônus muscular esquelético.

Acredita-se que a cafeína possua mecanismos de ação central e periférica que podem desencadear importantes alterações metabólicas e fisiológicas, as quais parecem melhorar a performance atlética.

Existem estudos que apontam que durante o exercício físico, os efeitos ergogênicos da Cafeína estão relacionados a um aumento na liberação de catecolaminas e mobilização de ácidos graxos não-esterificados, resultando em uma diminuída utilização do glicogênio intramuscular como fonte de energia, o que poderia retardar o início da fadiga muscular periférica, contribuindo para um melhor desempenho em eventos atléticos submáximos prolongados.

A Cafeína poderia também, atenuar a sensação subjetiva de esforço, igualmente colaborando na manutenção do desempenho atlético.

Sugere-se a ingestão de uma cápsula antes dos treinos para potencializar seus trabalhos e obter o máximo resultado.

Red Load Thermogenic 420mg - Titan Suplementos
R$69,90 R$49,90
Quantidade
Red Load Thermogenic 420mg - Titan Suplementos R$49,90
Entregas para o CEP: Alterar CEP

Conheça nossas opções de frete

Sabe-se que a cafeína promete resultados satisfatórios tanto na oxidação de gorduras bem como também em rendimento esportivo.  Hoje em dia, os suplementos a base de cafeína são facilmente encontrados e empregados por praticantes de atividade física de vários níveis. Além do público esportista, muitas pessoas na qual grande quantidade são mulheres se valem dos efeitos dos suplementos denominados termogênicos”, buscando potencializar a queima de gordura corporal, bem como a manutenção de um baixo percentual de gordura e estabilidade do tônus muscular esquelético.

Acredita-se que a cafeína possua mecanismos de ação central e periférica que podem desencadear importantes alterações metabólicas e fisiológicas, as quais parecem melhorar a performance atlética.

Existem estudos que apontam que durante o exercício físico, os efeitos ergogênicos da Cafeína estão relacionados a um aumento na liberação de catecolaminas e mobilização de ácidos graxos não-esterificados, resultando em uma diminuída utilização do glicogênio intramuscular como fonte de energia, o que poderia retardar o início da fadiga muscular periférica, contribuindo para um melhor desempenho em eventos atléticos submáximos prolongados.

A Cafeína poderia também, atenuar a sensação subjetiva de esforço, igualmente colaborando na manutenção do desempenho atlético.

Sugere-se a ingestão de uma cápsula antes dos treinos para potencializar seus trabalhos e obter o máximo resultado.